Translate

visitas

sexta-feira, 18 de dezembro de 2009

'De quem é a culpa pela corrupção?'

Artigo do leitor Cesar Valle

Desde sempre ouço de todos os lados a máxima de que "político não presta, são todos corruptos". Quem sou eu para contrariar quem assim pensa? Querem outra? "Só pobre vai para a cadeia no Brasil!". Essa, então, nem discuto, com medo de apanhar...

Todos os dias, desde sempre, também e cada dia mais escancarado, nossos políticos apresentam este circo dos horrores, com direito a números de mágica, onde o ilusionista esconde dinheiro de origem desconhecida (?) em cuecas e meias em Brasília e faz aparecer em algum paraíso fiscal no Caribe. Se o problema fosse o tal político que se apropria indevidamente de nosso dinheiro, nem me incomodaria tanto. O problema maior está na maneira como o crime é tratado no Brasil.

Assim como um político que rouba e sai impune, rindo de nós, com aquela cara de ratazana e está sempre em algum cargo público, aquele cara que desceu o morro e matou um adolescente por um par de tênis também sai impune. Quando é pego, fica um tempo no inferno e logo volta para as ruas para matar novamente. Ou não lemos todos os dias que tal bandido foi preso, mas já possuía uma coleção de prisões e condenações? De novo, assim como o tal político-roedor, o ladrão de galinhas, traficante de drogas, e qualquer um que pratique um crime, deveria estar na cadeia. Sem regalias, de preferência.

Ah, mas precisa reformar o Judiciário, o Código Penal, o sistema prisional etc. Concordo. Mas acreditar em uma solução imediata é o mesmo que acreditar na chegada de um Messias que nos tirará os pecados e transformará o mundo no Paraíso. A mudança vem de dentro, de nós, o povo, que, para os governantes, é apenas estatística e merece ser tratado como gado. Precisamos mostrar que não somos uma coisa abstrata e sem rosto, mas uma força coletiva que faz o Brasil existir.

Não adianta colocar a culpa no senador que rouba se você desvia recursos da empresa privada onde trabalha. Também não adianta reclamar da corrupção policial se você comete alguma infração e ainda paga propina para não ser punido. Pior, ainda sai xingando e amaldiçoando quando o policial cumpre com seu dever. O que dizer dos viciados, que só reclamam da violência dos traficantes e dos tiroteios nos morros? Estão realmente incomodados? Então parem de dar dinheiro para eles que já melhora bastante para todo mundo! A cidade é suja? Parem de jogar no chão resto de cigarro, papelzinho de bala e todo o tipo de lixo que vemos pelas ruas.

Como vamos exigir uma mudança de postura das autoridades se nós mesmos não queremos mudar nossas péssimas ações diárias? Comecem respeitando as pessoas que dividem o mesmo teto com vocês. Não tratem seus vizinhos, nem o motorista do carro da frente (assim como o do lado e o de trás) como inimigos. Lembrem-se diariamente que o que é público é de todos e seu também, não "de ninguém". E, acima de tudo, tenha certeza que, se a realidade de nosso país está muito longe da ideal, é porque a culpa é nossa e fazemos por merecer o que temos. Portanto, mudem para o país mudar.

Este artigo foi escrito por um leitor do Globo. Quer participar também e enviar o seu?Clique aqui

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Se tiver notícias e ou comentários sobre a roubalheiras dos politicos, mande pra mim.
Tudo sobre os corruptos que estão representando o povo Brasileiro em Brasília.

Vota aí!!!!

Vote no meu BLOG