Translate

visitas

quinta-feira, 3 de fevereiro de 2011

Organizações criminosas.

 

Brasil perde R$ 160 bilhões por ano com corrupção e fraudes.Para que se tenha uma noção do que isso representa, seguem números de três itens do orçamento da União para 2008. Saúde.R$ 42.497.000.000. Educação R$ 12.700.000.000 .Desenvolvimento social e combate à fome.R$ 13.240.000.000 Iso explica a crônica falta de recursos para políticas públicas.

Posted on 03/02/2011 by Epocaestado| Deixar um comentário

Segundo um estudo feito pela KPMG, o Brasil perde anualmente cerca de R$ 160 bilhões ou aproximadamente 6% do Produto Interno Bruto com corrupção e fraudes, puxados principalmente pelos crimes de colarinho branco, como lavagem de dinheiro e sonegação fiscal.

As operações suspeitas, detectadas por bancos e remitidas ao Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf), têm aumentado com força no Brasil.

Neste ano, são esperados pelo Coaf 300 mil registros de movimentações atípicas no sistema financeiro. O número é 112,77% maior em relação ao do ano passado, quando foram verificadas 141 mil operações com indícios de irregularidade.

Os bloqueios feitos pela Justiça Federal em contas bancárias neste ano mostram a força da corrupção no maior país da América Latina.

Segundo dados do Coaf, cerca de R$ 17 milhões foram bloqueados pelo Poder Judiciário entre janeiro e junho deste ano. É o mesmo valor apreendido em todo o ano passado. Em 2008, a PF já deflagrou 117 operações, entre elas a Satiagraha, cujo alvo é o banqueiro Daniel Dantas, dono do Opportunity, e a Toque de Midas, cujo alvo é a MMX, do empresário Eike Batista.

Desconhecemos os critérios adotados pela KPMG para chegar à estimativa de R$ 160 bilhões.

Contudo, na apuração que vem sendo feita no Corruptômetro OFCA desde 17/10/08 até hoje, já foram contabilizados praticamente R$ 28 bilhões só em fraudes e esquemas que lesaram os cofres públicos.

Apesar da apuração conduzida no Corruptômetro ter algumas falhas na metodologia, é certo que os prejuízos tenham sido muito maiores, pois só foram contabilizados esquemas efetivamente descobertos.

O valor de R$ 160 bilhões estimado pela KPMG não deve estar longe da realidade.

Para que se tenha uma noção do que isso representa, seguem números de três itens do orçamento da União para 2008.

Saúde…………………………………………………………..R$ 42.497.000.000
Educação……………………………………………………..R$ 12.700.000.000
Desenvolvimento social e combate à fome……….R$ 13.240.000.000

Iso explica a crônica falta de recursos para políticas públicas.

Mas o dinheiro que se esvai na corrupção é apenas uma parte de nossa tragédia. Uma quantia talvez maior é gasta em vigens desnecessárias, mordomias, contratações de amigos e apaniguados, publicidade, campanhas fúteis e outras tantas inutilidades.

De um lado temos um país entregue à quadrilhas que se não roubam, gastam mal e em benefício próprio.  Do outro uma justiça míope que está mais preocupada com direitos de bandidos do que com a sociedade brasileira.

No meio do caos, sem direito a direitos ou defensores, estamos nós brasileiros de bem, trabalhadores e pagadores de impostos sustentando mordomias, quadrilhas e a justiça que tem tardado e falhado muito.

Será necessária uma revolução para que nossos netos conheçam um Brasil melhor?

Organizações criminosas.Brasil perde R$ 160 bilhões por ano com corrupção e fraudes.Para que se tenha uma noção do que isso representa, seguem números de três itens do orçamento da União para 2008. Saúde.R$ 42.497.000.000. Educação R$ 12.700.000.000 .Desenvolvimento social e combate à fome.R$ 13.240.000.000 Iso explica a crônica falta de recursos para políticas públicas. | Epocaestado Brasil

Um comentário:

  1. Isso foi realmente interessante. Adorei lê-lo

    ResponderExcluir

Se tiver notícias e ou comentários sobre a roubalheiras dos politicos, mande pra mim.
Tudo sobre os corruptos que estão representando o povo Brasileiro em Brasília.

Vota aí!!!!

Vote no meu BLOG